Para mim, esta pode ser uma das piores morte em vida. Talvez a pior.

Os sentidos se desenvolvem ou não dependendo das experiencias que cada ser humano vai vivendo no decorrer da vida. A vida é sentida e percebida através da nossa capacidade sensorial. Quem amorteceu de alguma forma os órgãos do sentido vai passando pela vida sem a percepção da plenitude que pode existir tanto nas experiências gratificantes como nas dolorosas. É possível comer um alimento sem saborear seu paladar; ver o céu sem alcançar toda o dislumbre da cor; passear por um jardim sem extasiar com o perfume das damas da noite; ouvir uma música sem mergulhar no embalo da melodia; tocar e ser tocado sem se apossar das mensagens prazerosas e restauradoras da pele.

Na minha história eu amorteci minha capacidade sensorial depois de uma surra injusta quando tinha 10 anos. Decidi diante daquela dor horrorosa que não sentiria mais e de alguma forma me anestesiei.Não senti nem aquela e nem mais nada por quase quarenta anos. Só recuperei meu sentir novamente aos quarenta e oito anos, através de um abraço amoroso que me consolava enquanto eu me lembrava desta surra!

Que neste domingo de páscoa, possamos ressuscitar juntamente com Cristo toda e qualquer sensação amortecida! Assim podemos experimentar a vida com toda sua intensidade!

Abraço

20.mar.2008 – 17h32

Anúncios