MATURIDADE

Deixe um comentário

FAST FOOD EMOCIONAL

“Não tem uma pílula que a gente toma e rapidinho amadurece?” Perguntou-me, uma garota de 20 anos. Logo depois da pergunta, ela caiu na risada, porque sabia a resposta. Ri também e respondi: Bem, se tem e você descobrir, também quero tomar. Porque, mesmo tendo idade para ser sua avó, ainda me vejo cometendo burrices e tolices que me trazem constrangimentos.

Desconfio que enquanto houver batidas do coração haverá também a possibilidade de novos aprendizados! E sinceramente, parece que é isto que faz a vida emocionante!

Vivendo e crescendo. Crescendo e vivendo!

Anúncios

RUÍNAS

Deixe um comentário

RECONSTRUINDO

Hoje acordei mais cedo, por isso pude fazer minha devocional. Li o Salmo 74, que é um poema feito por alguém da família do judeu Asafe, há alguns séculos atrás. E uma frase, dentro da oração proferida, me chamou a atenção: “Volta os teus passos para aquelas ruínas irreparáveis, para toda a destruição que o inimigo causou em teu santuário”.

É um poema que refere-se a destruição do templo judaíco. Mas, biblicamente, com o advento Cristo Jesus, o templo passou a ser o corpo de cada um. Lembrei-me de várias pessoas, que sofreram danos emocionais e físicos. Então hoje quero contextualizar as palavras do poeta de tantos anos atrás:

“Senhor, volta os teus passos para aquelas ruínas irrepáraveis no corpo e na mente daqueles, que em algum momento da vida foram atingidos pela maldade humana”.

Na esperança que o irreparável se torne reparável! Que assim seja!

03/10/2011

TESOUROS NO CÉU

Deixe um comentário

O MAIOR ROUBO DE JÓIAS NO BRASIL!

 Acabei de ler na revista Veja, sobre o assalto e arrombamento dos cofres particulares do Banco Itaú que fica na Avenida Paulista, esquina com a Rua Frei Caneca. Doze homens fizeram-se passar por trabalhadores de uma equipe de manutenção e conseguiram entrar no lugar dos cofres, tido como seguro. Arrombaram 138 cofres e levaram jóias e ouro equivalente a 100 milhões de reais. Imediatamente lembrei-me do texto dito por Cristo: “Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam…”

Impressionante como nada é obstáculo para pessoas ousadas, inteligentes, que não temem perder a própria vida, quando estas querem roubar algo. Por mais difícil ou seguro que seja o lugar, quem quer roubar uma jóia de alto valor ou qualquer outra pedra preciosa ou ouro, com certeza conseguirá. Deve ser esta a razão pela qual Cristo já anunciou há mais de 2.000 anos atrás, qual era o lugar seguro de guardar tesouros: nos céus! “…Mas acumulem para vocês tesouros nos céus, onde a traça e o ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam.”

Acho que a pergunta que não quer calar, é: “Como se manda para o céu, nossos ouros e nossas jóias?” Só tem um jeito: transformar nossos tesouros em coisas que pessoas, menos privilegiadas socialmente, possam aproveitar como: escola, pão, seguro saúde, moradia, cobertores e com certeza tem mais coisas que podem transformar a vida das pessoas aqui. Ou então ficar disponível para todo e qualquer um que em algum momento necessite de algo que posso oferecer: um ombro, um colo, um abraço, uma escuta amorosa e empática. Enfim se dispor ao esvaziamento para poder receber quem necessite de acolhimento! E o tempo gasto com estas pessoas também é tesouro guardado.

Pessoas são eternas. E se são eternas, o tesouro está garantido. Será também eterno. E o que investimos em pessoas não corre o risco de ser corroído por traças, nem destruído pela ferrugem. E jamais ladrão algum, por mais esperto e inteligente que seja, conseguirá roubar.

Sou grata a várias pessoas que ao invés de investir em jóias, ouro ou coisas materiais, resolveram investir na minha vida, quando eu esta necessitada e sem recursos para caminhar na direção que queria: estudar! Por causa destes investimentos hoje posso envelhecer com mais tranqüilidade e ainda posso, juntamente com meu marido, sustentar três crianças. Estas pessoas, com certeza guardaram parte do que tinham num lugar onde nenhum ladrão pode chegar: Na minha vida!

12/09/2011